Hemeroteca

O setor de jornais mais antigo do Estado de Alagoas possui no seu acervo exemplares desde o final do século 19, sendo 65 títulos de periódicos alagoanos, 23 títulos de outros estados brasileiros além de 3 títulos internacionais. Porém, muitos desses periódicos não estão mais a disposição para consulta devido à fragilidade, conservação e o tempo que os deterioraram.

ALAGOANOS

  1. A Estréa (1878-1879)
  2. A Imprensa (1934-1935)
  3. A Notícia (1930-1953)
  4. A Novidade (1985-1989/1994)
  5. A Província (1935-1936)
  6. A República (1927-1929)
  7. A Semana (1884/1895/1926/1928-1929)
  8. A Tribuna (1900/1903-1906/1910-1911)
  9. Correio da Pedra (1919-1920/1922-1930)
  10. Correio de Maceió (1908/1911/1964-1970/1994)
  11. Correio Mercantil (1894-1896)
  12. Cruzeiro do Norte (1892-1894)
  13. Desafio (1977-1980)
  14. Diário da Manhã (1882-1884/1922-1924)
  15. Diário das Alagoas (1858-1880/1882-1884/1888/1907)
  16. Diário de Alagoas (1952-1966)
  17. Diário de Maceió (1933-1934)
  18. Diário do Povo (1945-1949)
  19. Diário Oficial de Maceió (1995-2001)
  20. Diário Oficial do Estado de Alagoas (1917-…)
  21. Estado das Alagoas (1921)
  22. Extra (1983-1986)
  23. Folha de Arapiraca (1971-1972)
  24. Gazeta de Alagoas (1892)
  25. Gazeta de Alagoas (1934-…)
  26. Informativo PRODUBAN (1978-1980)
  27. Interesse Público (1865)
  28. Jornais de Serviços (1973-1976)
  29. Jornal da Produção – Suplemento do Diário Oficial do Estado (1975-1977)
  30. Jornal das Alagoas (1873-1878)
  31. Jornal de Alagoas (1915-1993)
  32. Jornal de Alagoas – Suplemento (1954-1955)
  33. Jornal de Hoje (1973-1996)
  34. Jornal de Notícias (1979)
  35. Jornal do Comércio (1917/1919-1920)
  36. Jornal do Penedo (1875-1881)
  37. Jornal do Pilar (1874-1879)
  38. Jurisprudência (1894-1895)
  39. Labarum (1874-1876)
  40. Momento Alagoano (1983-1986)
  41. Novo Nordeste (1980-1981)
  42. O Combatente (1914)
  43. O Comentário (1913)
  44. O Constitucional (1873)
  45. O Dia (1915)
  46. O Diário (1930-1931)
  47. O Estado (1932-1934)
  48. O Evolucionista (1902-1906)
  49. O Gutemberg (1883-1884/1890/1895-1899)
  50. O Jornal (1994-2001)
  51. O Liberal (1869-1883)
  52. O Luctador (1927-1930)
  53. O Momento (1893-1984)
  54. O Monitor (1909)
  55. O Orbe (1879/1882-1887/1889)
  56. O Regenerador (1881)
  57. O Repórter (1995-1997)
  58. O Século (1877-1878)
  59. O Semeador (1918-2000)
  60. O Trocista (1900-1902)
  61. Releases – Secretaria de Comunicação Social (1989-1990)
  62. Tribuna de Alagoas (1980-2001)
  63. Tribuna Penedense (1990-1994)
  64. Última Palavra (1987-1990)
  65. União Liberal (1871-1872)

OUTROS ESTADOS

  1. A Gazeta – SP (1954/1960)
  2. A Lanceta – PE (1913-1914)
  3. A Marmota – BA (1850-1852)
  4. Arion – PE (1891-1892)
  5. Aurora Fluminense – RJ (1827-1828/1835)
  6. Autores e Livros (Suplemento Literário de “A Manhã”) – RJ (1941-1944)
  7. Correio da Manhã – RJ (1910)
  8. Correio de Recife – PE (1866)
  9. Correio do Brasil – RJ (1872)
  10. Diário da Manhã – PE (1931-1937)
  11. Diário de Pernambuco – PE (1931-1933/1935)
  12. Diário de São Paulo – SP (1960)
  13. Diário do Rio de Janeiro – RJ (1848-1851)
  14. Diário Império do Brasil – RJ (1864-1867)
  15. Diário Oficial Estados Unidos do Brasil – DF (1919)
  16. Estado de São Paulo – SP (1954)
  17. Extra – SP (1999)
  18. Jornal do Comércio – RJ (1835-1848/1852/1922)
  19. Letras e Artes (Suplemento de “A Manhã”) – RJ (1946-1949)
  20. O Cruzeiro – RJ (1952)
  21. Opinião Liberal – RJ (1870)
  22. Pensamento da América – RJ (1942-1945)
  23. Revolução de Novembro – PE (1850-1851)

INTERNACIONAL

  1. A América – Lisboa (1868-1869)
  2. L’Ilustration – Paris (1861-1862)
  3. Tribuna Alemã – Hamburgo (1970-1980)
  • Documentos

Nosso acervo conta com mais de 4.000 documentos relacionados à história de Alagoas predominantemente, mas também, registra fatos importantes tanto da região nordeste como brasileira.

  • Pinacoteca

Em nosso acervo possuímos telas raras de pintores como Rosalvo Ribeiro, De Angelis (pintor italiano do séc. XIX), Virgílio Maurício, Lourenço Peixoto, José Paulino, Zaluar Sant’Ana, Pierre Chalita entre outros.

  • Fototeca

Nosso acervo registra momentos marcantes da história dessa Instituição além de documentar a passagem do tempo de nosso Estado em diversos campos. Contamos também com coleções preciosas como as do jornalista Arnoldo Jambo e do professor João Azevedo Filho.

  • Mapoteca

Em fase de reorganização contamos, à priori, com 228 mapas.

  • Museu

Primeira instituição em criar um museu público em Alagoas, seu acervo reúne varias coleções que, ao longo de sua história, lhe foram sendo agregadas. Hoje conhecido por conter um acervo eclético – histórico, etnográfico e arqueológico, conta com grandes coleções como: PERVERANÇA (peças religiosas de antigos Xangôs de Maceió), JONAS MONTENEGRO (coleção indígena, arqueológica e etnográfica oriundas da Ilha do Marajó – AM), MARROQUIM e ALTAVILA (coleções arqueológicas oriundas das primeiras escavações em Alagoas), COLEÇÃO DE RENALDO DE ARAÚJO LIMA (peças, doadas ao IHGAL em 2007, de objetos de arte e cultura africana colhidas em diversos países africanos); possuímos também um valioso acervo histórico da Guerra do Paraguai, uma coleção religiosa de Ex-votos doados pelos sócios Théo Brandão e Luiz Sávio de Almeida, o museu também tem em seu acervo peças pertencentes aos presidentes Deodoro da Fonseca e Floriano Peixoto além de relíquias maçônicas do Primeiro Império, armamentos da fase dos bandeirantes, canhões holandeses, franceses e lusitanos, objetos do tempo da escravidão.